BEM ESTAR

AMIZADE ENTRE CÃES E GATOS

por Alexandre Rossi
|
9 meses ½ atrás
|
Compartilhe:

Quem nunca ouviu a expressão “feito cão e gato”? Geralmente, ela é usada para pessoas que vivem brigando. Mas, ao contrário do que muitos podem pensar, com alguns cuidados e supervisão, é possível tornar o cão e o gato grandes amigos! É um mito pensar que eles são inimigos mortais e que devem ficar separados para sempre.

O ideal é que esses animais sejam apresentados ainda filhotes. Nessa fase, a sociabilização é muito importante, pois tem grande influência na forma com que o bicho vai se comportar quando adulto. Tanto o cão, quanto o gato devem ser apresentados a outros animais, pessoas, cheiros, sons etc. É recomendado, no entanto, ter cuidado com a saúde deles, já que muitos ainda podem não ter tomado as doses das vacinas necessárias.

Quando adultos, o cão e o gato devem ser aproximados de forma gradual, para que haja sempre uma associação positiva com esse momento. É fundamental ter paciência e sempre respeitar os limites dos animais, para não gerar estresse para nenhum dos dois.

No início, você pode manter o gato em uma caixa de transporte e o cão contido em uma guia. Observe o comportamento deles e, se estiverem tranquilos, diminua a distância entre eles. Recompense e elogie ao perceber que ambos estão à vontade na presença do outro. Em caso de qualquer desconforto, aumente a distância e faça a reaproximação aos poucos.

Mas, atenção: só abra a caixa de transporte quando eles estiverem habituados à presença um do outro. Nessa fase, ainda é importante manter o cão na guia, por segurança. Só os deixe livres quando não houver nenhum sinal de estresse ou tentativa de ataque.

Você também pode pedir a ajuda de um profissional especializado. Com muito cuidado e paciência, você verá que é possível construir uma amizade entre um cão e um gato.